Publicidade
27 de June de 2017
Login
Entrar

DC Inovação

29/05/2015

Aceleradora d.E. aposta em eventos

Objetivo da Felicitous é se associar a cerimoniais de cidades com mais de 100 mil habitantes
Thaíne Belissa
Email
A-   A+
Equipe da Aceleradora d.E. desenvolveu uma plataforma específica para a criação de sites de eventos/Divulgação
Em uma sociedade cada vez mais conectada, é comum eventos como casamentos e formaturas terem início, no mundo virtual, alguns meses antes da data. Práticos tanto para os donos da festa quanto para convidados, esses sites ajudam na logística do evento e ainda funcionam como mural de boas recordações com espaço para depoimentos, fotos e recados. De olho na potencialidade desse mercado, a Aceleradora d.E. apoiou a criação da Felicitous!, startup mineira que desenvolveu uma plataforma específica para a criação de sites de eventos.

O projeto começou a ser desenvolvido em 2013 e foi lançado em agosto do ano passado pela aceleradora. Segundo o sócio Ronnan Del Rey, até dezembro a ferramenta funcionou em fase de testes e, a partir de janeiro deste ano, a startup passou a divulgá-la por meio de parcerias com cerimoniais de Minas Gerais. "Expandimos para a Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), depois para o Vale do Aço, Zona da Mata e Triângulo Mineiro. Agora, nossa meta é ir para o Espírito Santo", diz.

Segundo o sócio, o objetivo da empresa é se associar a, pelo menos, um cerimonial em cada cidade que tenha acima de 100 mil habitantes, chegando a 500 até o fim deste ano. Ele explica que essa parceria não tem nenhum custo para o cerimonial e visa a divulgação da ferramenta. "Percebemos que a maioria dos cerimoniais participavam de todos os preparativos do evento, mas não da construção do site. Então oferecemos essa parceria para que eles incluam a ferramenta da Felicitous! dentro de seu portfólio de produtos", diz.

O sócio explica que o lucro da empresa se dá principalmente pela cobrança de taxas nas listas de presentes que são inseridas na plataforma. Quando o promotor do evento cria seu site, tem à sua disposição um catálogo de mais de 500 produtos para a lista de presente, que é totalmente convertida em dinheiro. Além de itens comuns, o Felicitous! ainda disponibiliza presentes criativos, como cotas de lua de mel ou itens simbólicos, como o primeiro jantar do casal.

Outra forma de rentabilizar o negócio é a cobrança de R$ 99 para a utilização da ferramenta por clientes que não estão ligados aos cerimoniais parceiros. Segundo Del Rey, a plataforma é simples, prática e oferece mais de 30 modelos de layout de sites. Além disso, a ferramenta ainda permite a customização e dá todo o suporte de atendimento por meio de chat, telefone e e-mail. "O usuário entra no site e cria: não tem que solicitar um projeto, como nos fornecedores tradicionais", completa.

Com pouco mais de seis meses de lançamento, a ferramenta já recebeu cerca de 400 sites de eventos e movimentou R$ 100 mil em presentes comprados. Segundo o sócio, a meta de crescimento da empresa é ousada: a expectativa é fechar o ano de 2015 com 10 mil eventos e R$ 850 mil em presentes.



Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

20/06/2017
Centro terá ecossistema de inovação aberta
Projeto inédito, a ser instalado em BH, projeta a diversificação e a internacionalização da economia mineira
07/06/2017
DCC da UFMG e Maxtrack fecham parceria na área de IoT
Pesquisa conta com recursos da Embrapii
07/06/2017
ICJ vai lançar solução para vôlei
Com toda a infraestrutura oferecida pela escola e investimento de R$ 5 mil feito pelo orientador do laboratório de Robótica e Mente Inovadora, Pablo Carvalho, alunos do ensino...
31/05/2017
BH vai receber 9ª edição do Lemonade
Focado em ideias que podem se transformar em negócios, programa prevê selecionar 30 projetos
31/05/2017
"Problema pode ocorrer quando a nanotecnologia se popularizar"
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.